Monthly Archives: Dezembro 2011

Natal

O Natal?
O Natal está nos corações
Nascer, renascer, sentir com prazer cheiros, cores e sabores
Adormecidos e ofuscados pelos laçarotes, papelotes
Caixas e caixinhas.

O ter, é bom
É bom mimar, brindar, quem se ama com algo desejado
Ou até sonhado

O ser , é muito melhor!
Ser solidário
Ser sensível
Autêntico nos valores da partilha
Nem que seja de um abraço.

Um abraço sem laçarote ou papel de embrulho
Um abraço que chegue
Para aquecer a vontade de quem o recebe
Sentir o Natal no coração.

Dou te o meu abraço
Um Feliz Natal

Poema de Alexandra Abreu

Anúncios

Natal

O Natal?
O Natal está nos corações
Nascer, renascer, sentir com prazer cheiros, cores e sabores
Adormecidos e ofuscados pelos laçarotes, papelotes
Caixas e caixinhas.

O ter, é bom
É bom mimar, brindar, quem se ama com algo desejado
Ou até sonhado

O ser , é muito melhor!
Ser solidário
Ser sensível
Autêntico nos valores da partilha
Nem que seja de um abraço.

Um abraço sem laçarote ou papel de embrulho
Um abraço que chegue
Para aquecer a vontade de quem o recebe
Sentir o Natal no coração.

Dou te o meu abraço
Um Feliz Natal

Poema de Alexandra Abreu